FedEx Newsroom

FedEx Newsroom

FedEx entrega esqueleto raro de T. Rex ao Museu Smithsonian

April 15, 2014

São Paulo, 15 de abril de 2014 – A FedEx Custom Critical, subsidiária da FedEx Corp. (NYSE: FDX), transportou, com segurança, um raro esqueleto de Tiranossauro Rex do Museum of the Rockies, na cidade de Bozeman, Montana, para o Museu Nacional de História Natural Smithsonian, na cidade de Washington, D.C.

O fóssil de 65 milhões de anos, batizado de The Nation’s T-Rex (T-Rex da Nação, em tradução livre), ficará em exposição no Smithsonian, ao qual foi emprestado por 50 anos. O esqueleto deve ser a peça central da nova sala de dinossauros do Museu, que recebe mais de 7 milhões de visitantes anualmente.

Com aproximadamente 11 metros de comprimento (38 pés) e sete toneladas de peso, o T-Rex viajou de Montana a Washington, D.C. em um caminhão da FedEx Custom Critical especialmente customizado. O veículo foi conduzido por uma dupla de motoristas – marido e mulher – e equipado com as mais modernas e inovadoras tecnologias, incluindo um sistema de GPS programado com a rota identificada como a ideal pela equipe da White Glove Services uma divisão da FedEx Custom Critical para serviços personalizados.

A viagem de quatro dias contou com o monitoramento proativo e a visibilidade proporcionada pelo ShipmentWatch, um novo serviço da FedEx Custom Critical que utiliza dispositivos com a tecnologia SenseAware® para manter as especificações predefinidas para o envio – como temperatura, nível de umidade, exposição à luz e pressão barométrica – durante o transporte. É esse recurso único que faz da FedEx a empresa de transporte e logística preferencial quando se trata de entregar com segurança artefatos de valor inestimável, como é o caso do T-Rex.

 “A FedEx Custom Critical tem experiência e expertise na entrega de algumas das cargas mais preciosas do mundo, e esse envio singular demonstra nossa habilidade de, mais uma vez, criar soluções perfeitamente adaptadas às necessidades de nosso cliente”, diz Virginia Albanese, presidente e CEO da FedEx Custom Critical. “Estamos emocionados por termos colaborado com o Smithsonian para levar uma peça histórica tão importante até a capital de nosso país".

Kathy Wankel, proprietária de um rancho em Montana, descobriu um osso do braço do dinossauro em 1988, na Represa de Fort Peck – o primeiro osso do braço de um T-Rex encontrado na história. Após levar o osso para o Museum of the Rockies, uma equipe iniciou uma grande escavação em torno da represa. A busca revelou 80% do esqueleto do dinossauro. O T-Rex da Nação é considerado hoje um dos exemplares mais completos conhecidos pelo homem.

 

Sobre a FedEx Custom Critical

A FedEx Custom Critical fornece soluções de envio rápido em toda a América do Norte e no mundo. Algumas das divisões da empresa são Surface Expedite®, onde um caminhão é alocado exclusivamente para o envio do cliente; Air Expedite®, que oferece uma série de soluções aéreas premium para atender a prazos urgentes de clientes, e White Glove Services®, para envios que exigem um cuidado extra em seu manuseio e controle de temperatura ou que requerem segurança especializada. Sua subsidiária, a FedEx Truckload Brokerage, também está disponível para atender às necessidades de transporte via caminhão. A FedEx Custom Critical é uma subsidiária operacional da FedEx Corp.

 

Sobre a FedEx Corp.

A FedEx Corp. (NYSE: FDX) provê para clientes e empresas do mundo todo uma ampla carteira de serviços de transporte, comércio eletrônico e entregas. A empresa, cujas receitas anuais somam US$ 45 bilhões, oferece aplicações comerciais integradas através de empresas operadoras que competem coletivamente e são administradas de forma colaborativa sob a respeitada marca FedEx. Consistentemente classificada como uma das mais admiradas e confiáveis empregadoras do mundo, a FedEx inspira seus mais de 300.000 funcionários  a permanecerem “absoluta e positivamente” focados na segurança, no mais alto padrão ético e de profissionalismo e nas necessidades dos clientes e das comunidades onde operam. Para obter mais informações, visite news.fedex.com.

 

# # #

 

You may also like: